Mal-Caráter, Capítulo 12

Vitória ainda estava no meu pé, mas eu já estava decidida, se era para me apaixonar, que fosse então pela pessoa certa. Sei lá se essa pessoa seria a Cris, mas com certeza não seria a Vi, e foi aí que comecei a me afastar dela pra valer, o que me dificultou um pouco na faculdade, pois era com ela que fazia as provas em dupla e a maioria dos trabalhos.

- Precisamos conversar - disse Cris, num ar de mistério
- Não tenho boas lembranças dessa frase, fala logo o que você quer
- Só quero conversar
- Tudo bem
Nos encontramos no parque e sentamos no banco que dava de frente ao pôr-do-sol, uma imagem linda e romântica.
- Tantos anos morando aqui e nunca havia vindo neste lugar - disse admirando tudo
Cris tirou uma aliança do bolso do casaco (estava muito frio), colocou entre minhas mãos e perguntou
- O que me diria se eu quisesse aprofundar nossa relação?
"Relação? Que relação? Temos uma amizade colorida, só isso... Ta, estou chocada, admito"
Eram tantos pensamentos em minha cabeça que não consegui dizer nada, apenas a olhei sorrindo e segurei a mão dela e a aliança firmemente.

2 comentários:

Juuh Nascimento disse...

Ah qe lindo gente!!

Embora de medo mesmo, confesso que na situação qe estou agora, eu ainda assim ficaria chocada e apavorada.
Mas recuar NUNCA.
Avante mulher!


Bjs loira, aguardo cont.

To gostando muito!!

xx. emy disse...

MAAAAAIS *-*
muito bom!